fechar popup contact

MARQUE UMA CONSULTA

Kids and Teens - Clínica de Especialidades Pediátricas

A professora diz que ele tem a língua presa. Como posso saber?

A professora diz que ele tem a língua presa. Como posso saber?
19 Outubro, 2021

Freio da língua - Avaliação

Na consulta de Terapia da Fala da Clínica Kids&Teens é aplicado um Protocolo de Avaliação do freio da língua adaptado aos diferentes grupos etários – bebé, criança ou adolescente/adulto. Esta avaliação é solicitada pelo médico que acompanha a criança (Odontopediatra, ortodontista, pediatra, ORL, ou médico de família) por se tratar de uma avaliação do freio que inclui as funções orais.

A língua é um órgão que tem uma musculatura móvel, é essencial para o paladar e responsável pela execução das atividades da sucção, deglutição, mastigação, voz e fala. Na sua face inferior, está fixa uma membrana mucosa – o freio da língua – que condiciona toda a mobilidade e permite a sua vibração. A alteração do freio da língua pode ter diferentes graus de gravidade e, após a sua correção, os exercícios miofuncionais são fundamentais para uma adequada recuperação.

Perguntei ao médico, mas ele diz que está tudo bem porque consegue deitar a língua de fora…

Na consulta de Terapia da Fala na clínica Kids&Teens, com a aplicação do protocolo, para além da avaliação estrutural são também avaliadas todas as funções orais: respiração, sucção, mastigação, deglutição, fala e voz. Só assim chegamos a um diagnóstico correto relativamente ao tamanho (estrutura) e movimentos (função) da língua.

Cada caso tem características individuais e todos eles são discutidos com o ortodontista ou com o médico pediatra antes de qualquer tomada de decisão com vista à sua correção. Há situações em que o freio parece estar curto, com parâmetros de avaliação que correspondem a valores limite, mas os movimentos necessários para uma boa funcionalidade estão mantidos. Noutras situações os valores estão no limite da normalidade e na avaliação das funções é observada a sua incompetência. 

Qual a melhor idade para se fazer a correção?

 O freio da língua pode e deve ser corrigido em qualquer idade.

Os danos funcionais e o prejuízo que um freio alterado pode estar a causar são determinantes, muitas vezes, para decidir o momento da intervenção, independentemente da faixa etária. Um freio da língua curto pode ser detetado à nascença, sendo facilmente corrigido pelo médico ou enfermeiro, ou mais tarde, sendo então os procedimentos dependentes do grau de alteração e da idade.

Alguns dos exemplos de situações que podem ser explicadas por uma alteração do freio da língua em diferentes idades são as dificuldades de sucção ao peito (muitas vezes erradamente justificadas como a falta de leite da mãe), a falta de controlo da saliva (excesso de baba em determinada idade), as dificuldades de alimentação (engasgar-se com alimentos sólidos, fazer “bolas de comida”), as dores de barriga frequentes (devido a alteração da mastigação), a rouquidão ao fim do dia de escola, as dificuldades em pronunciar alguns sons da fala, a impossibilidade da limpeza oral com a língua (com desenvolvimento anormal de mais cáries dentárias), o desenvolvimento e crescimento ósseo intraoral limitado e a recidiva na correção ortodôntica. 

A correção do freio da língua é um procedimento ambulatório, de rápida recuperação, e exige Terapia Miofuncional dois a três dias após a intervenção, em qualquer idade.

 

Dra Rosário VieiraM.ROSÁRIO MAGALHÃES VIEIRA
Terapeuta da Fala Especialista em Motricidade Orofacial e Voz


Kids and Teens – Clínica de especialidades pediátricas, Lisboa

 

Saiba mais…

> Terapia de motricidade orofacial e dificuldades alimentares

> Aparelho ortodôntico, como funciona o tratamento?

> A Higiene oral da criança

> Dermatologia infantil em tempo de COVID19

 

 

Partilha

Subscreve

Coloque em baixo o seu email para receber notícias sobre a Kids & Teens