fechar popup contact

MARQUE UMA CONSULTA

Clínica de Especialidades Pediátricas em parceria com clinica do lago

Nutrição

Nutrição
nutrição

Todas as crianças deviam ser bem nutridas, fisicamente ativas e saudáveis. Contudo, infelizmente, a realidade atual é bem diferente.

Sabia que…

De acordo com o mais recente relatório da OMS (2017) sobre obesidade para a região europeia, Portugal é, entre 27 países, o 5º país com mais crianças e adolescentes obesos na Europa?

“Os níveis de obesidade nos adolescentes são preocupantes, associados a uma má alimentação, pouca atividade física e comportamentos sedentários.”

Infelizmente, a obesidade está associada a problemas de saúde no futuro.

“Quando mais cedo se instala, mais difícil é combatê-la e mais se acumulam os efeitos prejudiciais para a saúde física, mental e social.”

A Nutrição infantil é uma especialidade clínica que visa avaliar o estado nutricional das crianças e adolescentes. É preponderante na prevenção e tratamento das doenças crónicas não transmissíveis (sedentarismo, obesidade, diabetes mellitus tipo 2, etc.) a médio e longo prazo. Prende-se com a promoção de um estilo de vida saudável, promovendo a prática de uma alimentação equilibrada, adequada às diferentes fases da vida e a prática regular de exercício físico.

A consulta de nutrição tem como principal objetivo avaliar os hábitos e preferências alimentares e estudar a forma como a sua modificação pode dar resposta aos problemas de saúde identificados. Estes poderão estar relacionados com a evolução do peso e situações de doenças associadas à alimentação. Pretende-se a implementação de novos hábitos alimentares com efeitos benéficos para a saúde e bem-estar da criança e do adolescente, refletindo-se de forma positiva no seu desenvolvimento físico, psíquico e social.

“O meu filho/a recusa-se a comer, chora sempre no momento da refeição.”
“O meu filho/a é “cheiinho/a” mas não é gordo/a.”
“O meu filho/a come sempre o mesmo.”

São estas, algumas das inúmeras razões que justificam a procura do Nutricionista que em conjunto com os pais (familiares e cuidadores) irá desenvolver atitudes positivas das crianças face aos alimentos e criar estímulos que encorajem uma alimentação equilibrada e diversificada, na infância, tanto em ambiente escolar como familiar, fomentando a descoberta de preconceitos (incluindo neofobias) para despertar a curiosidade e aceitação de novos alimentos.

A equipa médica


Joana Ávila

Nutrição