fechar popup contact

MARQUE UMA CONSULTA

Clínica de Especialidades Pediátricas em parceria com clinica do lago

Odontopediatria

Odontopediatria
Odontopediatria

A Odontopediatria é a especialidade clínica que diz respeito à saúde oral das crianças e dos adolescentes. O odontopediatra tem como principal objetivo a prevenção de doença e só depois o tratamento.

No combate à cárie dentária, a prevenção é mais eficaz que o tratamento. Apostar na prevenção significa evitar tratamentos invasivos, mais traumatizantes para a criança e para os pais.

Numa primeira consulta com um odontopediatra da Kids & Teens, conversamos sobre os métodos de higiene oral e sobre a possibilidade de efetuar procedimentos preventivos. O clínico avalia o desenvolvimento oral e dentário da criança e informa os pais sobre as consequências da nutrição e dos hábitos orais (ex: chucha ou dedo) na dentição de leite e na definitiva. A primeira consulta também tem uma vertente psicológica importante – é a oportunidade para a criança se familiarizar com o consultório dentário, que passa a ser um ambiente conhecido, ao qual é mais fácil voltar no futuro.

“Com que idade devo levar o meu filho ao dentista?”

A primeira consulta deve coincidir com o nascimento do primeiro dente, ou até ao primeiro aniversário da criança.

“Porquê tão cedo?”

Porque os dentes de Leite são essenciais para a mastigação, fonética e aparência, e preservam o espaço necessário para um correto desenvolvimento e posicionamento dos dentes definitivos, para além de terem uma influência significativa no crescimento das estruturas ósseas que os suportam.

A primeira consulta com um odontopediatra (médico dentista dedicado a crianças e adolescentes) deve coincidir com o nascimento do primeiro dente ou, no máximo, até ao primeiro aniversário da criança. Como sabemos, os primeiros dentes a nascer são dentes de leite (também chamados decíduos) e existe alguma tendência natural por parte os pais para minimizarem os problemas que possam surgir nestes dentes, uma vez que eles serão substituídos pela dentição definitiva. No entanto os dentes de leite podem ser afetados pela cárie dentária, sendo a evolução deste processo normalmente mais rápida do que nos dentes definitivos (da segunda dentição).

Evitar a dor provocada pela deterioração dos dentes de leite como consequência da cárie dentária é já, por si, razão suficiente para tratar os dentes de leite. Para além disto, por ser um processo infecioso a cárie pode afetar a formação e evolução da dentição definitiva. Por outro lado os dentes de leite são importantes para um bom desenvolvimento da criança, sendo essenciais para a mastigação, a fonética e a aparência, e preservando o espaço necessário para um correto desenvolvimento e posicionamento dos dentes definitivos. Por último, os dentes de leite têm uma influência significativa no crescimento das estruturas ósseas que os suportam.

A equipa médica


Sofia Arantes e Oliveira

Odontopediatria

Joana Castanho

Odontopediatria